Vereadores de Camboriú se reúnem com presidente do Colegiado de Segurança do Estado

Audiência teve como intuito, mais uma vez, expor a realidade de Camboriú com relação à criminalidade, o aumento populacional e a defasagem do efetivo da Polícia Militar no município.

Na manhã desta sexta-feira, dia 25, 10 dos vereadores de Camboriú, acompanhados do Vice-prefeito Ramon Jacob, estiveram na Capital Florianópolis para uma reunião com o Presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública do Governo Catarinense, Coronel Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior, a fim de apresentar as demandas do município com relação à segurança pública e, de imediato, solicitar o aumento do efetivo de policiais militares para Camboriú, bem como a destinação de novas viaturas.

O pedido veio logo após o Estado ter divulgado que novos 500 soldados e 35 oficiais se formaram recentemente. Além disso, estes já são pedidos recorrentes na pauta de demandas dos parlamentares. Dados da Polícia Militar de Camboriú apontam quase 13 mil ocorrências entre janeiro e outubro desde ano.

Como resposta o Coronel Araújo mencionou que uma ação intensiva já vem ocorrendo na cidade. Além disso, o coronel enfatizou que a força de segurança assumiu sua identidade estadual e explicou que não importa quantos (policiais) estão no município, são analisadas as manchas de criminalidade no Estado e a lógica aplicada é de mobilização e concentração de esforços.

Com esta linha de raciocínio o Coronel Araújo explicou ainda que Camboriú está no radar de atuação da PM e que tem operado com a mobilização de efetivos vindos de outras cidades. Já quanto à distribuição dos novos soldados, o coronel garantiu que será feita de forma técnica, vindo a atender prioritariamente a demanda de cidades que não possuem o número de policias para a formação de uma guarnição. A média analisada pelo Estado é de um policial para cada 920 habitantes, Camboriú conta hoje com um oficial para cerca de 1600 habitantes.
Também participaram do encontro o Tenente Coronel Gelasio Pires, assessor do comandante, e o Coronel Cláudio Roberto Koglin, subcomandante-geral da Polícia Militar de Santa Catarina. Koglin destacou ainda que a ação massiva atualmente realizada no Distrito de Monte Alegre deve ser estendida até o final da operação veraneio, sendo o efetivo aumentado gradativamente. Uma das ações já definidas, é que neste período o Tático deve ficar permanente no Monte Alegre, atendendo os demais bairros da cidade e se deslocando para Balneário Camboriú, sempre que houver um chamado.

Vereadores garantem R$ 200 mil de emenda parlamentar destinados para a saúde
Emenda é da Deputada Estadual Paulinha e deverá ser aplicada para custear exames e consultas médicas.

Ainda na Capital Florianópolis os vereadores estiveram na Assembleia Legislativa do Estado (ALESC) e em conversa com membros de Gabinete do Deputado Sergio Motta (PRB), foi entregue a solicitação de novas viaturas para auxiliar no trabalho da Polícia Militar.

Já em audiência com a Deputada Paulinha (PDT) a parlamentar garantiu envio de emenda no valor de R$ 200 mil para a saúde de Camboriú, a fim de custear consultas e exames que tenham uma procura maior pela população. Além disso, a questão da segurança também foi colocada em discussão e a parlamentar se comprometeu em intermediar a situação junto ao comando do Estado.