GASOLINA PODE CHEGAR PRÓXIMO DE R$ 5 EM SC

Motoristas ada vez mais preocupados

O acréscimo acompanha a economia brasileira e oscila entre altas e baixas dos últimos meses.

Os motoristas que deixaram para abastecer o veículo na segunda-feira, aqui no Estado, já na terça sentiram a diferença: em algumas bombas de combustível é possível encontrar preços nas marcas de R$ 4,49 a R$ 4,69 na Grande Florianópolis, mas de forma geral nas demais cidades, como na região do Vale do Itajaí, os preços variam sempre pra cima.

No Estado, os preços também variam bastante: em alguns postos ainda é possível abastecer por R$ 4,07 o litro. Mas esse valor não deve ser mantido por muito tempo, segundo vice-presidente do Sindicato dos Revendedores de Combustíveis Minerais (Sindopolis), Joel Fernandes. Ele disse que a gasolina pode chegar a R$ 5,00 em poucos dias se os valores do petróleo e do anidro, que é uma substância usada na mistura, continuarem crescendo, e se o dólar seguir em alta.

Outro fator que será determinante para a gasolina mais cara em dezembro é o aumento na base de cálculo do ICMS, que pode subir em 3 centavos o litro do combustível. Fernandes alerta que há lugares que já é cobrado R$ 5,00 o litro. Com média de R$ 4,285 na última semana de novembro, na Grande Florianópolis e região litorânea, os preços tiveram um acréscimo de 5,3% no último mês, segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e de Biocombustíveis. Se levarmos em consideração os últimos 15 dias, houve um aumento de 14 centavos para o revendedor. Na bomba, pode significar ainda mais. E, apesar das variações frequentes, esse acréscimo deve ser mantido pelos próximos 30 dias, ao menos, conforme destaca o representante do Sindopolis.